Notícias

NOVAS AQUISIÇÕES

Politec recebe cinco comparadores de vídeo para perícias avançadas em documentos

13/07/2021 - 17:53
Com a chegada dos equipamentos, as perícias de documentoscopia também serão realizadas pelas coordenadorias de Rondonópolis, Cáceres, Tangará da Serra, Barra do Garças e Sinop
Tita Mara Teixeira / Politec-MT

As coordenadorias regionais da Perícia Oficial e Identificação Técnica do interior do Estado, receberam nesta terça-feira (13.07), cinco vídeos comparadores espectrais para a realização de perícias avançadas em documentos (documentoscopia). O aparelho é amplamente utilizado na verificação de adulteração em Certificados de Registros e Licenciamento de Veículos (CRLV) e outros documentos, como Carteiras Nacionais de Habilitação, documentos de identidade (RG), moedas e cédulas falsas.

As aquisições são provenientes de um Termo de Cooperação entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O valor do contrato de aquisição é de R$ 375 mil. A entrega simbólica dos equipamentos aos servidores foi realizada pelo presidente do Departamento Estadual de Trânsito, Gustavo Vasconcelos e pelo diretor-geral da Politec, Rubens Sadao Okada, na sede do Detran.

Com a chegada dos equipamentos, as perícias de documentoscopia que necessitam de uma análise mais apurada - e que eram encaminhadas para a Gerência de Documentoscopia, em Cuiabá, agora também serão realizadas pelas coordenadorias de Rondonópolis, Cáceres, Tangará da Serra, Barra do Garças e Sinop.

A empresa Regula Forensics Latam é a fornecedora exclusiva do Vídeo Espectral Comparador Regula 4305DMH, que  tem como função capturar, processar e armazenar imagens digitais de objetos examinados.

“Não vai trazer só  agilidade, na questão da perícia, mas também gera economia, pois todos os documentos que precisavam ser trazidos para Cuiabá para a perícia de autenticidade, agora poderão ser analisados nos polos regionais. Queremos agradecer em nome dos nossos servidores do interior pela doação desses equipamentos para a Politec, que é de grande valia”, afirmou o diretor-geral da Politec, Rubens Sadao Okada.

O comparador faz a leitura e análise integral dos documentos periciados sem causar danos aos mesmos. A tecnologia utilizada permite que os peritos criminais façam análises que não podem ser feitas a olho nu, contribuindo para a resolução de crimes no Estado de Mato Grosso.

“Estas aquisições são resultado do trabalho dos servidores do Detran e da Politec, que possibilitaram a destinação de recursos para atender a necessidade da perícia técnica. Além de uma obrigação nossa como gestores públicos, é um legado para a população do interior do Estado”, disse o presidente do Detran, Gustavo Vansconcelos.

Nesta terça-feira (13.07), os peritos da Politec participam de um treinamento ministrado pelo perito criminal Cássio Thyone, de Brasília (DF), que é especialista na área e instrutor da empresa fornecedora.

“O treinamento serviu para que eles se familiarizassem com o equipamento, relembrassem alguns dos itens de segurança essenciais no exame dos elementos. Eles conseguiram reconhecer as funções principais e ao mesmo tempo vislumbarem as possibilidades que terão diante das perícias que irão fazer”, ressaltou.

Segundo o diretor de Interiorização, Mairo Fábio Camargo, o equipamento irá auxiliar os peritos de outras regiões de Mato Grosso que realizam este tipo de exame.

“As perícias de documentoscopia em que não era possível  verificar os elementos de segurança com o uso de equipamentos mais simples, como lupas, lanternas UV, ou luzes rasantes, eram encaminhadas para serem periciadas em Cuiabá. Com o equipamento próprio, eles vão poder resolver cerca de 95% das perícias de documentos, em relação à verificação de elementos de segurança e da falsidade/ autenticidade em documentos’’, destacou.

“Vai facilitar bastante o nosso serviço de exame em documentos. Essa era uma ferramenta que a gente aguardava há bastante tempo, pois trará agilidade no serviço e entrega de laudos. É uma ajuda muito bem vinda e chegou em boa hora”, explicou Jaqueline Maciel, perita oficial criminal de Rondonópolis.

De janeiro de 2020 a 13 de julho de 2021 a diretoria de Interiorização realizou 515 perícias de documentoscopia no Estado.